sábado, 7 de janeiro de 2012

Balanço de 2011 - Os melhores do Vinho por 2

Definitivamente 2011 foi um excelente ano para o blog. Consolidação é a palavra que resume melhor o ano que passou. Fechamos dezembro com um aumento das visualizações em 280%, em relação ao mesmo período de 2010. Com isso, tivemos a felicidade de figurar na 53ª posição em volume de tráfego, dentre as páginas brasileiras de vinho na internet, cuja relação foi divulgada pelo portal de vinhos Enoeventos. Considerando o Norte/Nordeste, ficaríamos fácil entre os dez primeiros lugares.

Em 2011 Anna teve a feliz ideia de criar a Quinta da Receita, que ajudou a alavancar as visualizações do blog e a interação com aqueles que nos acompanham. Foi, também, o ano em que fizemos nossa primeira visita a vinícolas do exterior. Começamos por perto e o destino foi Mendoza. Sem dúvida essa viagem ajudou bastante para aumentar nossa bagagem, pois acompanhamos de perto como toda teoria se põe em prática nas terras de lá.

Conseguimos realizar 140 posts ao longo do ano que findou, sendo que foram comentados 94 vinhos de 11 países diferentes, sendo eles: Alemanha, Itália, Uruguai, Austrália, Chile, África do Sul, Portugal, França, Brasil, Espanha e Argentina.

A Argentina liderou o número de rótulo degustados, em razão da viagem para Mendoza, sendo seguida em ordem decrescente por Protugal, Chile, Brasil e África do Sul.

Feita a retrospectiva dos melhores momentos de 2011, vamos fazer um balanço do que melhor foi postado, deixando de lado, infelizmente, muita coisa boa que provamos este ano, mas que só vai ser divulgada em 2012.


MELHOR VINHO TINTO:

Aqui um empate!












Anna considera o Abandonado 2007 como o melhor tinto do ano! Um Grande Douro em plena forma.

 













Eu voto no Nicolás Catena Zapata 2005. O vinho que tem o nome do homem que elevou a Argentina para outro patamar, parece estar em outro nível em relação à concorrência hermana.
 
MELHOR ESPUMANTE:














Cave Geisse Brut 2009 - Sem dúvida um grande representante nacional.

MELHOR VINHO BRANCO:















Anselmo Mendes Parcela Única Vinho Verde Alvarinho 2009 - Um vinho verde diferenciado, mostrando uma mineralidade incomum. Está entre os melhores brancos de Portugal.

MAIOR SURPRESA:











Cossart Gordon Terrantez 1977 - Nunca tínhamos provado um madeira e começamos pelo topo. Foi uma grande supresa descobrir o que os vinhos daquela ilha podem oferecer.

OUTROS DE GRANDE QUALIDADE:

TINTOS: 

Boekenhoutskloof Syrah 2006

Casa Marin Cipreses Sauvignon Blanc 2009

ESPUMANTE: 

.Nero Brut 

FORTIFICADO: 

Bacalhôa Moscatel de Setúbal 2004


Que 2012 seja repleto de vinhos para todos nós!

PS: Crédito da foto - http://www.linkatual.com/

2 comentários:

  1. Parabéns!
    Q o limite seja o primeiro lugar, rsrsr

    ResponderExcluir
  2. Agradecemos a força, Emília! Grande abraço

    ResponderExcluir